TRANCOSO

De acordo com os registros históricos, Trancoso foi o ponto em que a esquadra de Pedro Álvares Cabral aportou no dia 22 de abril de 1500, exatamente na foz do Rio dos Frades, tomando posse da nova terra para o rei de Portugal.

A população nativa de Trancoso é descendente da população que primeiro habitou e fundou a aldeia jesuíta, antes denominada São João Batista dos Índios, que teve sua fundação em 1586.

A maior parte do tempo, de lá para cá, Trancoso não passava de um ponto desconhecido, vivendo apenas da pesca e de poucas plantações no entorno da vila, até que, finalmente, foi descoberta pelos hippies, na década de 1970.

Nessa época, Trancoso ainda era apenas um conjunto de casas em torno de um grande gramado, chamado de “Quadrado” pela população local, tendo ao fundo uma igreja emoldurando uma belíssima paisagem, com uma visão panorâmica do mar.

O Quadrado, hoje chamado de Praça São João, é atualmente o Centro Histórico de Trancoso, onde podem ser visitadas casas da época da colonização, com prédios administrativos já desativados, mas em sua maioria ainda bem conservados.

Com o incremento do turismo do governo da Bahia e a construção de estradas pavimentadas e, principalmente, do aeroporto de Porto seguro, a pequena vila de Trancoso tornou-se internacionalmente conhecida, sofrendo um crescimento vertiginoso e recebendo turistas do mundo todo.

A Vila

Uma vila com charme antigo, bem preservada, mas com estrutura necessária para quem sabe curtir a vida. Mantém uma frequência jovem, antenada, dos melhores jet sets do Brasil.

Mesmo sendo o destino turístico de pessoas das mais diversas origens, a vila continua rústica, chique e isolada do mundo, tendo ainda a calma no ar, embora seja palco de grandes eventos.

O Quadrado é a praça principal da vila, com casinhas coloridas emoldurando o gramado, a igrejinha branca ao fundo, sendo o centro das atenções: é ali que tudo de bom acontece.

A maior parte das casinhas simples tornou-se comércio de luxo, onde podem ser encontrados bares, restaurantes, lojinhas de artesanato e pousadas com muito estilo, além de algumas butiques de grifes famosas, também atraídas pelo turismo local.

Mas nem tudo acontece só no Quadrado: Trancoso continua com suas praias belíssimas, cercada por uma natureza das mais exuberantes, mantidas por um clima ameno durante todo o ano.

Não foi por menos que Trancoso foi considerada como um dos 15 melhores lugares do mundo para se visitar. A revista Conde Nast Traveller, em sua edição de abril de 2011, uma das principais revistas de turismo do mundo, escolheu Trancoso, o único local brasileiro eleito para figurar como destaque em sua edição.

A vila de Trancoso foi indicada como um destino certo para pessoas que querem preservar sua individualidade, informando ainda a revista que, embora o local seja frequentado por formadores de opinião do mundo todo, continua sendo um local autêntico, que vive do seu modo e onde as pessoas devem adaptar-se para sentir os ventos benfazejos do sul da Bahia.

Trancoso, atualmente, embora mantendo o equilíbrio entre o moderno e o antigo, traz à tona os velhos tempos de cidade do interior, onde o visitante pode sentar-se na praça, o famoso Quadrado, e apreciar os mais deliciosos pratos da culinária baiana.

Copyright © 2017 Carnaval Trancoso | Ecommerce ShowCommerce | desenvolvido por agencia dbsweb